Pular para o conteúdo principal

ELEIÇÕES 2020: TSE SUSPENDE CANCELAMENTO DE 2,5 MILHÕES DE TÍTULOS ELEITORAIS.


O Tribunal Superior Eleitoral decidiu na última sexta-feira (17/4) suspender o cancelamento de 2,5 milhões de títulos de eleitores que não compareceram ao processo de revisão biométrica.

A suspensão ocorreu devido ao período de isolamento provocado pela pandemia do novo coronavírus. Com a medida, os eleitores estarão aptos a votar nas eleições de outubro. 

Segundo o TSE, a suspensão do cancelamento ocorreu em 15 estados. Os eleitores que estavam com pendências no documento deverão resolvê-las após as eleições. 

O primeiro turno está previsto para ser realizado no dia 4 de outubro. Mais de 146 milhões de eleitores estarão aptos a votar para eleger prefeitos, vice-prefeitos e vereadores nos 5.568 municípios do país.

Portall Gameleira

Comentários


Parceiros do Portall Gameleira:


Postagens mais visitadas na ultima semana:

ANTÔNIO NASCIMENTO LIDERA DISPUTA PELA PREFEITURA DE JAGUARARI, APONTA PESQUISA

A exatos 94 dias da eleição municipal, em 15 de novembro, em um cenário de uma provável disputa com apenas dois postulantes ao cargo, Antônio Nascimento (PT) lidera a corrida pela Prefeitura de Jaguarari com 54,71% das intenções de voto, contra 31,24% do atual prefeito, Everton Rocha (PSDB), na pesquisa estimulada. Indecisos (5,95%), brancos/nulos (4,13%), não souberam ou não responderam correspondem a 3,97%. Já na espontânea – na qual nenhum nome é apresentado ao entrevistado – Antônio Nascimento lidera com 29,26%, contra 21,49% de Everton Rocha. Anderson e Edson Almeida aparecem com 0,50%, cada, e Cristóvão Donato 0,17%. Não responderam ou não souberam representa 48,10%.
Na pesquisa estimulada, quando apresentados outros nomes, Antônio Nascimento também lidera com 45,62%, Everton Rocha vem logo atrás com 28,76%, Edson Almeida aparece com 5,62%, Cristóvão Donato 2,15%, Fabrício D’Agostino 1,32%, indecisos (10,25%), brancos/nulos (4,30%), não souberam ou não responderam somam 1,98%.
Qua…

GOVERNO DO ESTADO ESTABELECE TOQUE DE RECOLHER EM MAIS 33 CIDADES, INCLUINDO JAGUARARI

Mais 33 cidades baianas terão toque de recolher a partir desta terça-feira (4), de acordo com decretos publicados no Diário Oficial do Estado (DOE) que visam conter o avanço da contaminação pelo novo coronavírus no interior da Bahia. Fica estabelecida a restrição de locomoção noturna, vedados a qualquer indivíduo a permanência e o trânsito em vias, equipamentos, locais e praças públicas.
Com validade até 11 de agosto, a medida passa a vigorar, das 18h às 5h, em Alagoinhas, Almadina, Barreiras, Castro Alves, Ibirataia, Itaberaba, Jaguarari, Jitaúna, Salinas da Margarida, Tucano, Uauá e Várzea da Roça. 
Já nos municípios de América Dourada, Barra do Mendes, Barro Alto, Bonito, Cafarnaum, Canarana, Central, Gentio do Ouro, Ibipeba, Ibititá, Irecê, Itaguaçu da Bahia, João Dourado, Jussara, Lapão, Morro do Chapéu, Mulungu do Morro, Presidente Dutra, São Gabriel, Tapiramutá e Uibaí, a medida vale das 20h às 5h. 
Durante os horários de restrição, estão autorizados, excepcionalmente, os serviços…

CALENDÁRIO DA TERCEIRA PARCELA DE R$ 600 DO AUXILIO EMERGENCIAL E OUTROS LOTES

Também foram divulgadas datas de pagamento da segunda parcela para o segundo lote de aprovados, e os primeiros pagamentos para um quarto lote de 1,1 milhão de novos aprovados.
O governo divulgou na noite desta quinta-feira (25), em edição extra do "Diário Oficial da União", o calendário de pagamentos da terceira parcela do auxílio emergencial de R$ 600.
Também foi divulgado o calendário de pagamento da segunda parcela para os aprovados do segundo lote – aqueles que receberam a primeira parcela entre os dias 16 e 29 de maio. O governo também vai pagar a primeira parcela do benefício a 1,1 milhão de novos aprovados.
A segunda parcela para os aprovados do terceiro lote (que receberam a primeira entre os dias 16 e 17 de junho) ainda não tem data definida.
A partir de sábado (27/06) até 4 de julho, o dinheiro será depositado nas contas da poupança social digital para pagamento de contas, boletos e compras por meio do cartão de débito digital. As transferências e os saques em dinheiro…