Pular para o conteúdo principal

EM RESPOSTA A DENÚNCIA, A COORDENAÇÃO DA PRÉ-CANDIDATURA DE SEU ANTÔNIO A PREFEITO, TORNA PÚBLICO A SEGUINTE NOTA.


NINGUÉM APAGARÁ A NOSSA ESTRELA

Enquanto o Partido dos Trabalhadores e suas lideranças sofrem ataques vis constantes no cenário nacional, em Jaguarari as coisas não andam muito diferentes. As tentativas inescrupulosas de jogar todos os políticos na vala comum e criminalizar a política devem ser de pronto combatidas e analisadas minunciosamente para que possamos sempre responder o questionamento: A quem interessa e quem se serve desta situação inverídica? Quem teria supostamente interesse a ganhar com mais essa manobra eleitoreira?

Nossa visão desta prática aqui é simples. Adversários políticos veem nosso projeto social ganhando corpo e ao não encontrar argumentos para fazer o bom debate, usam de expedientes rasteiros, como esta denúncia, em que alegam suposto conluio para a aprovação das contas de 2016. Portando, deixemos claro desde o início que não há e nem nunca houve nenhuma aliança ou negociação entre os gestores neste sentido.

As contas de 2016, como já amplamente divulgado, foram aprovadas na Câmara de Vereadores de Jaguarari por 13 votos. Se nos levássemos pelo que supõe os que conspiram, seria dizer que todos os vereadores daquela Casa estariam envolvidos. Com tantos pensamentos e linhas distintas ali seria razoável supor isso? Evidentemente que NÃO! 

O que foi compreendido por todos, e que alguns fingem não entender por interesses pessoais, é que o ano de 2016 foi um ano distinto para nosso município. Ano em que a Mineração Caraíba, a maior empregadora e geradora de recursos para o município passava por uma recuperação judicial. Este fato teve um impacto direto nas finanças da Prefeitura visto que havia uma receita mensal arrecadada com a mineração de aproximadamente 300 mil reais/mês e em diversos meses daquele ano os repasses mensais da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM) mal chegavam ao valor de 20 reais. Resumindo, com a diminuição dos recursos recebidos, para atingir o percentual que a Lei de Responsabilidade exige, cortes de pessoal deveriam ter sido feitos pela gestão também. 

Num cenário em que as demissões em massa por parte da empresa já afetavam nosso município, se tomou uma decisão corajosa a não demissão também na prefeitura para minimizar o impacto social. Foi esse gesto que levou à votação das contas favoravelmente revertendo assim o parecer inicial: uma sensibilidade política dos Edis.

A fala do Vereador, usada para montar o discurso falacioso e irresponsável da denúncia, nada mais relata que ele esperava que algum outro edil tivesse uma determinada postura, algo que não veio e não vamos aqui fazer como os que denunciam, ficam com suposições esdruxulas sobre o que motiva terceiros em suas ações.

Assim sendo, com tudo às claras, reiteramos o nosso compromisso com a seriedade e moralidade política, qualidade que sempre nos norteou e marcou, indelevelmente, os 8 anos de gestão pública de forma transparente e austera à frente do Município. Reafirmamos também o nosso desejo por uma política sempre pautada na verdade e sem estas manobras escusas. Nosso município precisa é do debate de propostas, visão clara do futuro e certeza de que seus líderes colocam sempre o povo acima de si mesmos, como feito naquele ano.

Partido do Trabalhadores - 40 Anos de Luta em Defesa do Povo Brasileiro.

Coordenação Política 2020 – PT/PCdoB/PSB/PROS.

Vamos à luta! Sempre em frente, rumo à vitória!!

Comentários


Parceiros do Portall Gameleira:


Postagens mais visitadas na ultima semana:

VAI COMEÇAR A VACINAÇÃO CONTRA A COVID-19 EM JAGUARARI

  Aguardando uma definição da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), em relação ao quantitativo de doses correspondentes a Jaguarari, a Prefeitura Municipal, por meio da Secretária de Saúde (Semus), elaborou o Plano Municipal de Ação da Vacinação Contra a Covid-19 e já está trabalhando em sua operacionalização.  De acordo com o plano, a vacinação ocorrerá na próxima quarta-feira (20), em todas as unidades básicas de saúde , tanto da sede quanto da zonal rural. Segundo a secretária de Saúde, Raquel Bonfim, neste primeiro momento da fase 1 da campanha, apenas os profissionais de saúde , que trabalham na linha de frente no combate à pandemia e os que atuam em unidades de saúde de urgência e emergência serão imunizados .  “Quanto aos demais públicos prioritários e o restante da população a serem alcançados, dependemos do cronograma nacional do Ministério da Saúde, em consonância com a quantidade de doses a serem encaminhadas para Governo do Estado que, por sua vez, repassará ao nosso muni

PREFEITURA DE JAGUARARI APOIARÁ PROJETO PIONEIRO PARA RECUPERAÇÃO DE RIO EXTINTO

  A Prefeitura de Jaguarari, Governo Cuidando da Nossa Gente , vai integrar uma ação pioneira, de cunho socioambiental, para a recuperação das nascentes do extinto Rio Estiva que, há mais de 30 anos, cortava as serras do município. Na última sexta-feira, dia 15, as Secretarias de Meio Ambiente e de Agricultura participaram de um encontro, realizado no povoado de Serra dos Morgados , o que representou o marco inicial do projeto.  O encontro foi organizado pelo Salve as Serras (SAS), movimento ecológico que defende a proteção da sociobiodiversidade das Serras da Jacobina, e reuniu representantes das associações de moradores da Serra dos Morgados e da Berinjela; da Associação de Mulheres de Serra dos Morgados; do Comitê da Bacia Hidrográfica do Rio São Francisco (CBHSF) e da sua secretaria executiva, a Agência Peixe Vivo; além da equipe técnica da Companhia Brasileira de Projetos e Empreendimentos (Cobrape).  O PROJETO - “O CBHSF abriu um edital e vimos a oportunidade de construir uma

COMUNICADO: BOLSA FAMÍLIA E DO BENEFÍCIO DE PRESTAÇÃO CONTINUADA (BPC)...

  A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (Sedes) comunica aos usuários da Política de Assistência Social de Jaguarari, em especial, aos beneficiários do Programa Bolsa Família e do Benefício de Prestação Continuada (BPC) , que, devido às constantes inconsistências de ordemtécnica na Rede do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), a secretaria está impossibilitada de acessar as informações para o devido atendimento ao público.  “Pedimos neste momento, a compreensão e a paciência dos usuários dos sistemas CADSUAS, SAA e CNEAS , dentre outros. Informamos que ninguém sairá prejudicado. Estamos em contato direto com a Subsecretaria de Tecnologia da Informação (STI), do Ministério da Cidadania , de onde se origina o problema. O órgão federal também está com dificuldade em acessar os sistemas e em prestar atendimento. Assim que o problema for resolvido, atenderemos prontamente a todos”, tranquiliza a secretária municipal da Sedes, Maria Letícia Duarte.  Assessoria de Comunicaç