Pular para o conteúdo principal

EM RESPOSTA A DENÚNCIA, A COORDENAÇÃO DA PRÉ-CANDIDATURA DE SEU ANTÔNIO A PREFEITO, TORNA PÚBLICO A SEGUINTE NOTA.


NINGUÉM APAGARÁ A NOSSA ESTRELA

Enquanto o Partido dos Trabalhadores e suas lideranças sofrem ataques vis constantes no cenário nacional, em Jaguarari as coisas não andam muito diferentes. As tentativas inescrupulosas de jogar todos os políticos na vala comum e criminalizar a política devem ser de pronto combatidas e analisadas minunciosamente para que possamos sempre responder o questionamento: A quem interessa e quem se serve desta situação inverídica? Quem teria supostamente interesse a ganhar com mais essa manobra eleitoreira?

Nossa visão desta prática aqui é simples. Adversários políticos veem nosso projeto social ganhando corpo e ao não encontrar argumentos para fazer o bom debate, usam de expedientes rasteiros, como esta denúncia, em que alegam suposto conluio para a aprovação das contas de 2016. Portando, deixemos claro desde o início que não há e nem nunca houve nenhuma aliança ou negociação entre os gestores neste sentido.

As contas de 2016, como já amplamente divulgado, foram aprovadas na Câmara de Vereadores de Jaguarari por 13 votos. Se nos levássemos pelo que supõe os que conspiram, seria dizer que todos os vereadores daquela Casa estariam envolvidos. Com tantos pensamentos e linhas distintas ali seria razoável supor isso? Evidentemente que NÃO! 

O que foi compreendido por todos, e que alguns fingem não entender por interesses pessoais, é que o ano de 2016 foi um ano distinto para nosso município. Ano em que a Mineração Caraíba, a maior empregadora e geradora de recursos para o município passava por uma recuperação judicial. Este fato teve um impacto direto nas finanças da Prefeitura visto que havia uma receita mensal arrecadada com a mineração de aproximadamente 300 mil reais/mês e em diversos meses daquele ano os repasses mensais da Compensação Financeira pela Exploração de Recursos Minerais (CFEM) mal chegavam ao valor de 20 reais. Resumindo, com a diminuição dos recursos recebidos, para atingir o percentual que a Lei de Responsabilidade exige, cortes de pessoal deveriam ter sido feitos pela gestão também. 

Num cenário em que as demissões em massa por parte da empresa já afetavam nosso município, se tomou uma decisão corajosa a não demissão também na prefeitura para minimizar o impacto social. Foi esse gesto que levou à votação das contas favoravelmente revertendo assim o parecer inicial: uma sensibilidade política dos Edis.

A fala do Vereador, usada para montar o discurso falacioso e irresponsável da denúncia, nada mais relata que ele esperava que algum outro edil tivesse uma determinada postura, algo que não veio e não vamos aqui fazer como os que denunciam, ficam com suposições esdruxulas sobre o que motiva terceiros em suas ações.

Assim sendo, com tudo às claras, reiteramos o nosso compromisso com a seriedade e moralidade política, qualidade que sempre nos norteou e marcou, indelevelmente, os 8 anos de gestão pública de forma transparente e austera à frente do Município. Reafirmamos também o nosso desejo por uma política sempre pautada na verdade e sem estas manobras escusas. Nosso município precisa é do debate de propostas, visão clara do futuro e certeza de que seus líderes colocam sempre o povo acima de si mesmos, como feito naquele ano.

Partido do Trabalhadores - 40 Anos de Luta em Defesa do Povo Brasileiro.

Coordenação Política 2020 – PT/PCdoB/PSB/PROS.

Vamos à luta! Sempre em frente, rumo à vitória!!

Comentários


Parceiros do Portall Gameleira:


Postagens mais visitadas na ultima semana:

ANTÔNIO NASCIMENTO LIDERA DISPUTA PELA PREFEITURA DE JAGUARARI, APONTA PESQUISA

A exatos 94 dias da eleição municipal, em 15 de novembro, em um cenário de uma provável disputa com apenas dois postulantes ao cargo, Antônio Nascimento (PT) lidera a corrida pela Prefeitura de Jaguarari com 54,71% das intenções de voto, contra 31,24% do atual prefeito, Everton Rocha (PSDB), na pesquisa estimulada. Indecisos (5,95%), brancos/nulos (4,13%), não souberam ou não responderam correspondem a 3,97%. Já na espontânea – na qual nenhum nome é apresentado ao entrevistado – Antônio Nascimento lidera com 29,26%, contra 21,49% de Everton Rocha. Anderson e Edson Almeida aparecem com 0,50%, cada, e Cristóvão Donato 0,17%. Não responderam ou não souberam representa 48,10%.
Na pesquisa estimulada, quando apresentados outros nomes, Antônio Nascimento também lidera com 45,62%, Everton Rocha vem logo atrás com 28,76%, Edson Almeida aparece com 5,62%, Cristóvão Donato 2,15%, Fabrício D’Agostino 1,32%, indecisos (10,25%), brancos/nulos (4,30%), não souberam ou não responderam somam 1,98%.
Qua…

GOVERNO DO ESTADO ESTABELECE TOQUE DE RECOLHER EM MAIS 33 CIDADES, INCLUINDO JAGUARARI

Mais 33 cidades baianas terão toque de recolher a partir desta terça-feira (4), de acordo com decretos publicados no Diário Oficial do Estado (DOE) que visam conter o avanço da contaminação pelo novo coronavírus no interior da Bahia. Fica estabelecida a restrição de locomoção noturna, vedados a qualquer indivíduo a permanência e o trânsito em vias, equipamentos, locais e praças públicas.
Com validade até 11 de agosto, a medida passa a vigorar, das 18h às 5h, em Alagoinhas, Almadina, Barreiras, Castro Alves, Ibirataia, Itaberaba, Jaguarari, Jitaúna, Salinas da Margarida, Tucano, Uauá e Várzea da Roça. 
Já nos municípios de América Dourada, Barra do Mendes, Barro Alto, Bonito, Cafarnaum, Canarana, Central, Gentio do Ouro, Ibipeba, Ibititá, Irecê, Itaguaçu da Bahia, João Dourado, Jussara, Lapão, Morro do Chapéu, Mulungu do Morro, Presidente Dutra, São Gabriel, Tapiramutá e Uibaí, a medida vale das 20h às 5h. 
Durante os horários de restrição, estão autorizados, excepcionalmente, os serviços…

CALENDÁRIO DA TERCEIRA PARCELA DE R$ 600 DO AUXILIO EMERGENCIAL E OUTROS LOTES

Também foram divulgadas datas de pagamento da segunda parcela para o segundo lote de aprovados, e os primeiros pagamentos para um quarto lote de 1,1 milhão de novos aprovados.
O governo divulgou na noite desta quinta-feira (25), em edição extra do "Diário Oficial da União", o calendário de pagamentos da terceira parcela do auxílio emergencial de R$ 600.
Também foi divulgado o calendário de pagamento da segunda parcela para os aprovados do segundo lote – aqueles que receberam a primeira parcela entre os dias 16 e 29 de maio. O governo também vai pagar a primeira parcela do benefício a 1,1 milhão de novos aprovados.
A segunda parcela para os aprovados do terceiro lote (que receberam a primeira entre os dias 16 e 17 de junho) ainda não tem data definida.
A partir de sábado (27/06) até 4 de julho, o dinheiro será depositado nas contas da poupança social digital para pagamento de contas, boletos e compras por meio do cartão de débito digital. As transferências e os saques em dinheiro…